Jeitinho QG

Postado 23/07/2013 em Dia a dia, Dicas Compartilhar   

Dicas pra reduzir o sal

Todos nós sabemos que consumir qualquer alimento em excesso é prejudicial à saúde. Mas e quando nem percebemos que estamos exagerando? Acontece! É o caso do sal, atualmente um dos grandes vilões da nossa alimentação.

O sódio aparece na alimentação de diversas formas. O sal natural, originado do próprio alimento, representa 12% do consumo diário. Já aquela pitadinha que adicionamos à preparação da comida representa 5%. Outros 6% estão relacionados ao sal que colocamos à mesa, já durante as refeições. Pior ainda são os alimentos industrializados, que representam 75% do valor diário.

A recomendação da Organização Mundial de Saúde (OMS) é consumir no máximo 6 gramas de sal (1 colher de chá) ou 2,4 gramas de sódio. Mas o brasileiro chega a ingerir, por dia, de 10 a 15 gramas.

Doenças cardiovasculares, elevação da pressão arterial e retenção de líquido são apenas alguns dos males que o excesso desse alimento traz à nossa saúde.

Por isso, devemos tomar alguns cuidados!

O primeiro passo é buscar uma reeducação alimentar. O hábito faz com que, sem sequer provar, as pessoas coloquem sal na comida, mesmo que a mesma já esteja com um gosto agradável.

Malefícios do sal, como reduzir o consumo de sal

Opte por temperos que não contenham sódio, como ervas e alho frescos, cebola desidratada, coentro, limão, tomilho, manjericão, pimenta, cebolinha, entre outros. Outra boa dica é evitar molhos prontos. Use a criatividade e faça um caseiro, misturando, por exemplo, azeite e ervas.

Na hora de cozinhar, tente não utilizar o sódio. Experimente salgar a comida depois de cozida. Caso não se adapte, diminua o sal pela metade. Em pouco tempo já não notará a falta dele!

Evite embutidos e enlatados. É sempre melhor optar por frutas e verduras frescas. O mesmo vale para peixes e carnes processadas.

Sabe aqueles petiscos que adoramos beliscar, como azeitona, picles e palmito? Pra diminuir o teor de sal, que chega a 70%, lave essas e outras conservas em água corrente.

E os refrigerantes? Pois é, são vilões até quando o assunto é sal. Mesmo que sejam diet ou light, eles possuem muito sódio na composição. Prefira bebidas e sucos naturais. E não se esqueça de consumir de 2 a 3 litros de água por dia!

Na quantidade certa, o sal não só faz bem como é necessário, já que está associado a funções vitais do nosso organismo, como a regulação do volume plasmático, a condução dos impulsos nervosos e a contração muscular.

Basta fazer da pitada nossa de cada dia uma leve pitadianha!

Comentários